NASA avança com missão espacial de encontrar asteroides próximos à Terra


A NASA vai começar a desenvolver um telescópio espacial para rastrear os asteroides perto da Terra, de acordo com uma declaração do administrador de ciência da NASA, Thomas Zurbuchen.


O Space News relata que a missão será baseada em uma ideia anterior chamada NEOCam. A Missão de Vigilância de Objetos Próximos à Terra será liderada pela NASA, ao contrário do NEOCam, que faria parte do Programa de Descoberta, liderado por investigadores e baseado em propostas da agência. A missão ajudará a agencia espacial dos EUA a cumprir a ordem do Congresso dos EUA para descobrir asteroides que potencialmente ameaçam a Terra.


O pequeno telescópio observaria comprimentos de onda infravermelhos da luz, custaria cerca de US$ 500 milhões e seria lançado durante ou após 2025, de acordo com o relato do Space News. Zurbuchen disse que levaria 10 anos para o telescópio atingir sua meta.


O pedido de 2005 do Congresso dos EUA ordenou que a NASA encontrasse 90% dos asteroides próximos da Terra com mais de 140 metros de diâmetro até 2020. Mas a infraestrutura inadequada impediu os cientistas de atingirem esse objetivo. Os cientistas estimam que existem 25.000 objetos próximos à Terra com mais de 140 metros de diâmetro, mas telescópios ao redor do mundo encontraram apenas um terço deles.


Já existe um telescópio espacial infravermelho chamado NEOWISE, que cataloga asteroides próximos à Terra e, este ano, a National Academies divulgou um relatório incentivando a NASA e os astrônomos a construírem um sucessor, o NEOCam. A NASA forneceu financiamento antecipado para a missão, especificamente para pesquisar os detectores de infravermelho que seriam necessários para a caça de asteroides, de acordo com o Space News. Embora a NASA não esteja avançando com o NEOCam, o trabalho de pesquisa será incluído na nova Missão de Vigilância de Objetos Próximos à Terra.


“Estou muito satisfeito em saber que a NASA está interessada em apoiar uma missão de pesquisa de asteroides. É o que propusemos com o NEOCam: um telescópio de 50 centímetros que opera em comprimentos de onda infravermelhos sensíveis ao calor que os asteroides e cometas emitem”, disse a principal pesquisadora do NEOCam, Amy Mainzer, ao Gizmodo. “A missão aborda diretamente as recomendações da National Academies que foram publicadas recentemente”.


Mainzer, professora de ciências planetárias da Universidade do Arizona, disse que agora está trabalhando nos detalhes de como se envolverá com a missão.


É algo emocionante. “Uma das coisas mais importantes que a NASA pode fazer, na minha opinião, é usar a ciência e a tecnologia para ajudar a proteger a Terra e todos os seus habitantes de coisas ruins, como mudanças climáticas, perda de biodiversidade e, neste caso, impactos de asteroides e cometas”, afirmou Mainzer. “Esta ciência aplicada é importante para todos, e a NASA tem uma grande capacidade”.



Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square

FALE CONOSCO

Telefone

(31) 2535-4598

(31) 97508-2004

 

Endereço:

Rua Padre Francisco Scrizzi, 60 - Palmeiras 

CEP: 30570-525 - Belo Horizonte - MG - Brasil

              HORÁRIO DE

            FUNCIONAMENTO

               Segunda à Sexta:

               De 09 às 18 horas.

   Sábado                Agendamento

   Domingo             Fechado

   Feriado                Agendamento

  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram

        Formas de Pagamento

Crédito/Débito/Parcelamento